Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Blumenau: várias pessoas são detidas por furto e receptação de produtos do Colégio Militar

 

 

Material furtado do colégio militar e recuperado pela PM

 

A Polícia Militar de Blumenau foi informada às 11h desta segunda-feira (11/02/19) que a janela do Colégio Militar Feliciano Nunes Pires foi arrombada durante a madrugada. Do local foram furtados alimentos e eletrodomésticos.

Uma guarnição iniciou as buscas na Rua Hermann Huscher, próximo ao nº 145, onde há casas abandonadas utilizadas por andarilhos e usuários de drogas. Logo na entrada do primeiro imóvel, já era possível ver vários gêneros alimentícios como suco e óleo de cozinha, com as mesmas características dos furtados no colégio militar.

Os policiais subiram o primeiro andar da casa abandonada, onde encontraram um adolescente de 14 anos. Ao ser questionado sobre a origem dos alimentos, ele teria confessado que foram furtados do colégio militar. A guarnição quis saber sobre o resto do material furtado, quando o adolescente revelou que estavam em outra casa abandonada na mesma rua.

No local foram encontrados um homem de 34 anos que também participou do furto, além de vários alimentos, microondas, espremedor de frutas industrial, liquidificador e cafeteira. Todos foram levados do colégio militar.

Mas ainda faltavam ser recuperados dois espremedores de fruta e dois liquidificadores. O homem acabou confessando que os vendeu para o proprietário de um comércio de sucatas na Rua Amazonas. Em troca, ele deu o crédito de R$ 40 para consumir cachaça em um bar próximo do Terminal Fonte.

Os proprietários do comércio de sucatas e do bar foram detidos e levados à Central de da Polícia Civil, assim como os outros envolvidos. Os comerciantes foram enquadrados pelo crime de receptação.

O homem de 34 anos que estava em uma das casas já tinha 18 boletins de ocorrências (BO) pelos crimes de furto (inclusive residência e comércio), dano, lesão corporal, ameaça, violência doméstica, entre outros. Ele estava preso no Presídio de Blumenau até o dia 1° de Janeiro de 2017, quando foi solto pela justiça e cumpria liberdade provisória.

O adolescente de 15 anos, já acumula uma boa ficha criminal. São 51 BO’s por crimes como furto, ameaça, dano, além de ter fugido da ABAM (Associação Blumenauense de Acolhimento à Criança e ao Adolescente).

Dos comerciantes presos, um tem 61 anos e estreou seu primeiro BO. Já o outro, de 69, já tem oito BO’s pelos crimes de furto e receptação.

Posts relacionados

Top