Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

O 4º Piquenique da Inclusão foi um sucesso de público

 

Por Claus Jensen com imagens de Marlise Cardoso Jensen

O grande jardim dos fundos na casa da família Strelow, localizado na Rua Carlos Roesel, no bairro Itoupava Central, em Blumenau, estava repleto de sorrisos. Cerca de 380 pessoas participaram da 4ª edição do Piquenique da Inclusão, que ocorreu na tarde deste sábado (1/4/17), superando as 270 de novembro de 2016.

O dia começou com um susto para os organizadores, já que a chuva quase cancelou o evento. Mas ainda de manhã, o céu “azulou” e o sol chegou, sendo o convite perfeito para um piquenique ao ar livre. Contando com a ajuda de 15 voluntários, entre amigos e familiares, caracterizados com camisas rosas, tudo saiu perfeito, com direito a sorteio de brindes e soltura de balões azuis. A cor faz alusão ao mês de abril, já que no dia 2, é comemorado o Dia Mundial de Conscientização do Autismo.

 

 

Muitos colaboraram trazendo comidas, entre doces e salgados, tudo delicioso sobre uma mesa montada sob árvores, que amenizava o sol forte que fez durante a tarde. Na cama elástica, as crianças pulavam sob olhar atento das mães, enquanto outras escorregavam no brinquedo inflável. No jardim, pequenos pés corriam atrás de bolas e outras brincadeiras, esbanjando a alegria de ser criança.

 

 

Presenças ilustres participaram do evento, como o vice-prefeito Mário Hildebrandt; a secretária de educação Patrícia Lueders; e o presidente do SIHORBS, Emil Chartouni. Quem também esteve no local é Isabela Agostini Eler, natural de Timbó e eleita “A mais bela criança do Brasil”.

 

 

Na emocionante entrevista dessa matéria, o casal Simone Gadotti e Andreas Strelow, revela uma pequena recém conquista de um dos filhos autistas. Nicolas tem um grau mais forte da síndrome, é hiperativo, não para, e precisou ser acompanhado o tempo todo, ora por Andreas, ora por um dos avós.

Para Simone, um dos momentos mais marcantes como mãe foi a soltura dos balões. Seu filho Nicolas a agarrou e ficou abraçada com ela. “Ele entendeu que aquilo era para ele, é como se o preconceito fosse indo embora. Quem conhece o Nicolas sabe que ele não fica parado, mas naquele momento ele ficou agarrado em mim”, disse emocionada durante a entrevista.

A cobertura foi realizada por minha família, Marlise e Nikolas Jensen, para passar o espírito desse momento.

 

 

 

Emil Chartourni fazia uma transmissão ao vivo de seu celular mostrando o evento

 

comentários

Trabalho com publicidade há mais de 29 anos, fiz teatro durante 8, apresentei programa de televisão outros 5 e sou blogueiro desde 2007. Mas minha maior paixão é a família, e claro, essa fascinante Blumenau.

Posts relacionados

*

*

Top