88.958 pessoas foram vacinadas contra gripe na rede pública em Blumenau

Foto: Michele Lamin

 

Após o término do prazo da Campanha de Vacinação contra a Gripe Influenza nos municípios de Santa Catarina, a Secretaria Municipal de Promoção da Saúde (Semus) contabilizou 88.958 pessoas dos grupos de risco vacinadas na rede pública de Blumenau, o que corresponde a 83,4% do total previsto na cidade.

O balanço aponta que os maiores índices de cobertura vacinal ficaram entre idosos (108%), professores (92,9%), puérperas (78,3%) e crianças (72,5%). As menores taxas foram registradas entre gestantes (64,1%) e trabalhadores da saúde (64,2%).

Nesta semana, como ainda há disponibilidade de vacinas contra a gripe na cidade, a Vigilância Epidemiológica de Blumenau passou a imunizar crianças de cinco a nove anos e adultos de 50 a 59 anos nas unidades de saúde com salas de vacinação, além das pessoas dos grupos prioritários que ainda não providenciaram a aplicação. A medida segue recomendação da Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive) do Governo do Estado.

Até o momento, 14 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) gerados pelo vírus influenza foram registrados em Blumenau, dos quais 12 moradores da cidade (todos com H1N1), uma de Rodeio (H3N2) e uma de Jaraguá do Sul (H1N1). Destas pessoas, três vieram a óbito – duas de Blumenau (homem de 54 anos e menina de um ano) e uma de Jaraguá do Sul (mulher de 47 anos) que estava internada em um hospital situado no município.

Quem pode procurar a vacina contra a gripe na rede pública:

  • adultos com mais de 50 anos;
  • crianças maiores de seis meses a nove anos;
  • gestantes;
  • puérperas (até 45 dias após o parto);
  • trabalhadores da saúde;
  • professores das redes pública e privada;
  • povos indígenas;
  • portadores de doenças crônicas e outras condições clínicas especiais.

Por Felipe Elias [PMB]

O Blumenauense

Denúncias, problemas ou elogios? Nos escreva para contato@oblumenauense.com.br

Posts relacionados

*

*

Top