Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Blumenau: um pouco da história da construção da Avenida Castelo Branco (Beira-Rio)


A imagem retrata a construção da Beira-Rio durante o Governo Zadrozny, em 1968.

 

Por Claus Jensen

A Avenida Presidente Castelo Branco, mais conhecida como Beira Rio, faz tão parte da rotina de quem mora em Blumenau, que não dá para imaginar o Centro sem ela. E se hoje reclamamos da lentidão das obras públicas, no século passado também não era muito diferente.

Foi em 1951 que a prefeitura tomou a primeira iniciativa para pôr em prática a construção da avenida, que fica às margens do rio Itajaí-Açu. Para a instalação da Rua foi necessária a utilização de pedras retiradas do Bairro Boa Vista para aterrar o terreno entre os prédios da Rua XV de Novembro e a margem do Rio Itajaí-Açu.

O Jornal Lume, da época, escreveu que o novo acesso contribuiria para aliviar o congestionamento do tráfego da XV de Novembro. A desapropriação dos terrenos que ficam na Zona de Marinha foi o primeiro passo que a partir de então, podiam ser utilizados pelo Poder Público a qualquer momento.

A próxima etapa foi em 1962 com o saneamento. Depois que a área foi limpa, a massa terrosa superficial foi substituída pela composta por argila, mais consistente, e por último o aterro. No ano seguinte inicia a construção, mas o trabalho foi lento até 1965. Ela só foi oficialmente inaugurada em 18 de novembro de 1975.

A imagem retrata a construção da Beira-Rio durante o Governo Zadrozny, em 1968, ano que eu nasci.  Esse pequeno resgate histórico tem como fonte o Arquivo Histórico José Ferreira da Silva, da Fundação Cultural de Blumenau.

Claus Jensen

Trabalho com publicidade há mais de 29 anos, fiz teatro durante 8, apresentei programa de televisão outros 5 e sou blogueiro desde 2007. Mas minha maior paixão é a família, e claro, essa fascinante Blumenau.

Posts relacionados

*

*

Top