Bombeiros capturam jararacuçu com cerca de 1,5m no Centro cultural Vila Itoupava

 

Fotos: Corpo de Bombeiros

O Corpo de Bombeiros foi acionado por volta das 10h20min desta sexta-feira (10/11/17), para capturar uma cobra jararacuçu de aproximadamente 1,5 metro, que estava atrás do Centro Cultural da Vila Itoupava. A guarnição formada pelos Sargento Yakusch e o Bombeiro Comunitário Vanzuiten, capturaram o animal que foi encaminhado à Polícia Ambiental. Uma funcionária do centro informou aos bombeiros que eram duas cobras, mas uma delas acabou fugindo para atrás de uma pedra.

 

 

As  jararacuçus são muito temidas pelo veneno que pode causar hemorragia, inchaço e destroem os tecidos na região da picada. A jararacuçu é responsável por 90% dos envenenamentos por cobra no Brasil, por isso é a que mais pica seres humanos no país.

Elas costumam tomar sol para se aquecerem durante o dia e preferem caçar à noite. Os adultos alimentam-se de pequenos roedores e aves, enquanto as mais jovens preferem pequenos anfíbios, minhocas e até alguns insetos. As serpentes pode chegar até 2 metros de comprimento e tem uma bela coloração que varia entre cinza, rosa, amarelo, marrom ou preto, com manchas triangulares marrom-escuras.

No  Centro cultural Vila Itoupava acontecem uma série de atividades culturais e de educação ambiental. O imóvel foi a sede da Cervejaria Feldmann, que esteve em atividade entre os anos 1898 a 1978.

 

O Blumenauense

Denúncias, problemas ou elogios? Nos escreva para contato@oblumenauense.com.br

Posts relacionados

*

*

Top