Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Nos tempos da Clínica das Canetas em Blumenau

Imagem: Werner Reimer

 

Conhecer um pouco da história de Blumenau é sempre redescobrir um pouco nossa cidade. Por isso, compartilho com vocês leitoras/es, um comércio que existia quando a caneta tinteiro passava por um período importante no seu uso. No mundo digital de hoje, com canetas esferográficas oferecidas de brinde, é um exercício de imaginação viver a realidade daqueles anos de 1950.

Na época, a Tipografia e Livraria Blumenauense, que além de prestar serviços de impressão tipográfica, tinha um comércio com artigos para escritórios e estudantes. Nos dois primeiros anos, os alunos usavam lápis nas escolas, mas depois a caneta tinteiro passou a ser obrigatória.

Algumas vezes as canetas apresentavam defeito ou surgiam danos que as inutilizavam, ou simplesmente necessitavam de reparos. Assim, Fritz Wilhelm Max Reimer, iniciou o conserto desses produtos e tornou-se proprietário da Clínica das Canetas.

A imagem mostra o Edifício Regina, na época pertencente à família de Willy Sievert e ficava localizada na Rua 15 de Novembro, nº 1.444, Centro. No alto do prédio, em destaque, um luminoso destacava a Cia. de Canetas Compactor. Na época, esta era a forma moderna e inovadora para divulgar as promoções da Clínica das Canetas.

Fonte: Fundação Cultural de Blumenau / Arquivo Histórico José Ferreira da Silva / Revista Blumenau em Cadernos jul/ago 2016 p.119-122

 

De acordo com o endereço, esse era o local onde ficava a Clínica das Canetas

 

Tags
O Blumenauense

Denúncias, problemas ou elogios? Nos escreva para contato@oblumenauense.com.br

Posts relacionados

*

*

Top