Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Pesquisa Sommerfest: 63,4% tem de 30 a 59 anos e a maioria disse que é pós-graduada


 

A organização do Parque Vila Germânica divulgou a pesquisa realizada com 402 pessoas (50 p/noite) entre os dias 4 e 26 de janeiro. Desse total, 57,2% eram casados ou tinham união estável, enquanto os solteiros representavam 34,6%.

A maioria dos que responderam a pesquisa eram mulheres (54,5%), enquanto os homens foram 45,5%. Outro dado interessante na pesquisa, foi a orientação sexual, em que 3,7% se declararam homossexuais e 2% bissexuais.

O público da faixa etária entre os 30 e 39 anos, representou a maioria dos entrevistados: 33,3%. Em segundo lugar ficaram os de 40 a 49 anos (18,2%), seguidos pelos de 50 a 59 (11,9%). Todos juntos, entre 30 e 59 anos, representam um total de 63,4%. O alto grau de escolaridade da maioria é um dado que chamou a atenção, porque 34, 3% disse que é pós-graduado, enquanto 30,3% tem ensino superior completo, e 20,6% ensino superior incompleto.

Os trabalhadores com carteira assinada foram a maioria dos visitantes, representando 38,3%;  seguidos por servidores públicos (20, 1%); autônomos (12,4%) e empresários (9,5%). Os estudantes representam 8,7% enquanto os desempregados são 4%.

 

 

43,8% dos que foram curtir a Sommerfest estavam com companheiro/a, esposo/a ou namorado/a. Aqueles que levaram a família junto, representaram 36,3% e os que juntaram uma turma de amigos, são um total de 30,8%.

A pesquisa também mostrou que boa parte visitou pela primeira vez a Oktober de Verão: 41,8%. Aqueles vieram nas últimas duas a três edições representam 32,1%.

Quando questionados sobre a principal motivação de virem à festa, 64,9% responderam que é por lazer ou diversão, enquanto 33,3% querem saborear as cervejas. Aqueles que curte por cultura são 13,2%, enquanto a gastronomia (10,4%) ficou quase empatada com fazer amigos (10,2%).

A maioria absoluta, 81,3%, mostrou interesse em voltar nos outros dias na edição da Sommerfest 2018. Muita gente (55,9%) também disse que pretende voltar no ano que vem, enquanto 37,3% talvez venha na festa (interessado / talvez) novamente.

Sobre os dias em que a festa é realizada, 48,5% acha que as quintas e sextas de janeiro são bons dias, mas 37,1% sugeriu que deveria ser incluído o sábado. Também houve quem quisesse que a Sommerfest deveria se estender até fevereiro (16,9%).

E não foi pela televisão que a maioria das pessoas souberam da festa, e sim pelos amigos e parentes (35,6%), além das redes sociais (32,3%). As mídias tradicionais continuam sendo muito importantes, tanto que a televisão foi citada por 29,1% dos entrevistados, assim como o jornal (10,4%), folhetos e cartazes (10%).

Quando o assunto foi a experiência com a grande novidade do evento, o sistema cashless, 73,9% aprovou considerando de ótimo (34,3%) a bom (39,6%). Mas também tiveram os que acharam regular (12%) e ruim (3,2%).

Mais dados você confere no arquivo abaixo:

 

O Blumenauense

Denúncias, problemas ou elogios? Nos escreva para contato@oblumenauense.com.br

Posts relacionados

*

*

Top