Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!

Moradores voltam do trabalho e encontram suas casas furtadas em Blumenau

 

 

 

Você é daqueles que batalha muito para pagar a prestação dos produtos que sonha adquirir? Tem malandro que prefere acumular boletins de ocorrências porque sabe que a legislação pega leve e deixa os criminosos soltos. Enquanto isso, fica cada mais difícil ir ao trabalho, voltar para nossas casas e ver nossas aquisições serem levadas por ladrões.

Na sexta-feira (14/02/20) três residências de Blumenau receberam visitas nada agradáveis. A Polícia Militar foi acionada às 11h20 para atender uma ocorrência na Rua Carlos Alberto Pamplona, no bairro Passo Manso. No local um morador de 33 anos disse que saiu às 8h, e quando voltou, às 11h, encontrou a porta do imóvel aberta. Foram furtados um videogame, um televisor e outros objetos.

O morador da Rua Coruripe, no bairro Água Verde, saiu para trabalhar às 7h. Por volta do meio-dia seu filho ligou avisando que a casa tinha sido arrombada. Ele foi ao local, onde constatou o furto de dois televisores, um videogame e uma caixa de som JBL. Infelizmente não havia testemunhas, nem características ou imagens capazes de identificar algum suspeito.A PM foi acionada às 12h15, depois de ouvir o que aconteceu, contatou o Instituto Geral de Perícias (IGP) para que fossem coletados vestígios para tentar localizar os criminosos.

No bairro Itoupava Central, uma residência na Rua Profº Jacob Ineichen, também foi alvo de criminosos. A Polícia Militar foi acionada às 19h25, e conversou com a moradora de 42 anos. Ela disse que saiu para trabalhar por volta das 7h20, e quando retornou, às 19h20, logo estranhou que o automóvel Chevrolet Onix 1.0 lt da família não estava na garagem. O interior da casa estava todo revirado e a janela do quarto da filha apresentava sinais de arrombamento. Foram furtados um notebook HP, uma Smart TV Philips e algumas chaves da residência. Os policiais chegaram a fazer rondas nas proximidades, mas não localizaram nem o veículo ou os produtos furtados.

Em todos os casos, as guarnições registraram boletins de ocorrências e orientaram as vítimas quanto aos procedimentos legais. Não esqueça de pressionar os deputados federais e senadores a mudar essa lei que as polícias trabalharem a toa. Chega de sermos assaltados e furtados para ver esses criminosos voltando às ruas.

Denúncias, problemas ou elogios? Escreva para contato@oblumenauense.com.br

Posts relacionados

Top